13.4 C
São Paulo
domingo, julho 21, 2024
InícioCarreira InternacionalComo morar na Suíça: Vistos, Trabalho e Custo de Vida

Como morar na Suíça: Vistos, Trabalho e Custo de Vida

Siga-nos no Google Notícias

Sonhando em viver nas montanhas alpinas, com os relógios mais precisos e um chocolate que derrete na boca? Se a Suíça é o destino dos seus sonhos, é melhor se preparar bem. Vamos detalhar o que você precisa saber sobre vistos, trabalho e o custo de vida para morar na Suíça, este belo país europeu.

Vistos para morar na Suíça

Para quem deseja aproveitar a paisagem deslumbrante da Suíça por mais de 90 dias ou exercer algum trabalho remunerado durante a estadia, não tem como fugir: você vai precisar de uma autorização de residência. Isso é concedido pela autoridade cantonal do município responsável pelos estrangeiros.

Existem dois sistemas principais de obtenção de visto para morar na Suíça:

Cidadãos da UE e EFTA

Se você faz parte desse grupo de países da União Europeia ou da Associação Europeia de Comércio Livre, a vida é um pouco mais fácil graças ao Acordo de Livre Circulação de Pessoas.

Cidadãos de países terceiros (inclui Brasil)

Este caminho é regulado pela Lei do Estrangeiro, ou Ausländergesetz, que é um pouco mais complexa. Neste caso, você precisará ser qualificado ou especializado e ter uma profissão de interesse econômico para o país. Além disso, seu futuro empregador deverá provar que ninguém na Suíça ou na Europa se encaixa na posição aberta.

Ah, e atenção: existe um sistema de cotas que limita o número de autorizações de trabalho para cidadãos de países terceiros. Então, paciência e preparação são palavras-chave aqui.

Vistos para cidadãos de países terceiros:

  1. Visto de Residência de Curto Prazo (L Permit)
    • Geralmente válido por um ano.
    • Adequado para trabalhadores temporários ou para quem está em treinamento.
  2. Visto de Residência Anual (B Permit)
    • Geralmente renovável anualmente.
    • Adequado para pessoas que têm um contrato de trabalho de longa duração ou uma vaga de residência permanente.
  3. Visto de Residência Permanente (C Permit)
    • Concedido após cinco a dez anos de residência (dependendo do país de origem).
    • Oferece status de residente permanente com direitos consideráveis, incluindo acesso ao mercado de trabalho sem restrições.
  4. Visto de Estudante
    • Para quem deseja estudar em uma universidade ou escola suíça.
    • Exige comprovação de matrícula e recursos financeiros suficientes para cobrir a estadia.
  5. Visto de Reagrupamento Familiar
    • Para familiares de residentes legais na Suíça.
    • Exige comprovação de relacionamento familiar e, em alguns casos, garantias financeiras do residente.

Trabalhar na Suíça

Quer turbinar seu currículo com uma experiência internacional? Trabalhar na Suíça é uma boa pedida, principalmente por ser um dos países com os salários mais altos do mundo, mas é preciso planejar bem. Primeira dica: conseguir uma autorização de trabalho válida antes de colocar os pés neste país.

Para os nacionais da UE/EFTA, o acesso ao mercado de trabalho suíço é bem mais facilitado. Mas para o outros cidadãos dos países terceiros, os requisitos são mais rigorosos:

  • Ter um cargo de gestão sênior, ser um especialista ou profissional qualificado;
  • Possuir um diploma de nível superior e experiência profissional relevante;
  • Formação técnica especial e experiência são altamente valorizadas;
  • Aceitar um salário e condições de trabalho iguais aos dos suíços;
  • Não haver suíço ou europeu disponível para a vaga;
  • E claro, o já mencionado sistema de cotas também entra em jogo aqui.

Custo de Vida na Suíça

Bem-vindo ao país com um dos maiores custos de vida na Europa! Não dá para escapar: tanto a beleza quanto o nível de vida suíço têm seu preço. Alguns números (proibidos para os fracos de coração).

como morar na suíça

Habitação

  • Aluguel de Apartamento de 1 Quarto no Centro:
    • Aproximadamente 1.635 francos suíços.
  • Aluguel de Apartamento de 3 Quartos no Centro:
    • Aproximadamente 2.992 francos suíços.

Alimentação

  • Refeição em um Restaurante Barato:
    • Cerca de 25 francos suíços.
  • Refeição para Dois em um Restaurante de Média Categoria:
    • Aproximadamente 100 francos suíços.
  • Supermercado (mensal, por pessoa):
    • Entre 300 e 500 francos suíços.

Transporte

  • Passe Mensal de Transporte Público:
    • Cerca de 70 a 130 francos suíços, dependendo da cidade.
  • Gasolina (1 litro):
    • Aproximadamente 1.60 francos suíços.

Diversão e Entretenimento

  • Ingresso de Cinema:
    • Cerca de 19 francos suíços.
  • Academia (mensal):
    • Aproximadamente 75 francos suíços.
  • Café (expresso):
    • Cerca de 4.50 francos suíços.

Desafios de Emigrar para a Suíça

A vida na Suíça é um sonho de muitos, mas não sem desafios. Estes são os mais relatados pelos imigrantes na Suíça.

suíça clima

  • Clima:
    • A adaptação às temperaturas mais baixas pode ser um desafio, especialmente se você vier de um país tropical.
  • Idiomas:
    • A Suíça tem três línguas oficiais: alemão, francês e italiano. Aprender pelo menos uma delas é indispensável, dominar apenas o inglês não garante um bom acesso ao mercado de trabalho suíço.
  • Distância Social:
    • Estar longe da sua rede de apoio pode ser emocionalmente difícil, principalmente num país com a cultura de pessoas mais reservadas, como a Suíça.

Mas, se você estiver com a mente e o coração prontos para encarar esses desafios, a Suíça pode ser um pedacinho do paraíso na Terra. Então, arrume as malas, comece a aprender o idioma e prepare-se para se encantar pela vida na terra dos alpes.

Veja também: Como imigrar para Luxemburgo: Vistos, trabalho e custo de vida

Ad
Redação UBE
Redação UBEhttps://umaboaexperiencia.com
Somos uma equipe apaixonada por boas experiências ao redor do mundo. Acreditamos que uma boa experiência não se define por preço ou exclusividade, mas sim como você se sente vivendo esse momento.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, introduza o seu comentário!
Por favor introduza aqui o seu nome

Ad

Últimos posts

Ad
Ad
Ad