fbpx
20.5 C
São Paulo
sexta-feira, junho 14, 2024
InícioViagensNomadismo digital: saiba tudo sobre esse estilo de vida que segue conquistando...

Nomadismo digital: saiba tudo sobre esse estilo de vida que segue conquistando adeptos

Siga-nos no Google Notícias

Liberdade. Essa é a palavra que define o lifestyle dos nômades digitais. Liberdade para viver onde quiser, por quanto tempo quiser. Liberdade para conhecer cada canto do mundo como um habitante local, mas sendo apenas um viajante com a casa na mochila. Tamanha flexibilidade pode parecer um sonho impossível para muitos, mas a tendência do nomadismo digital chegou para mostrar que há novos meios de viver a vida que vão muito além do que nós conhecemos.

Se tudo o que você precisa para fazer o seu trabalho resume-se em um notebook e acesso à internet, aqui vai uma boa notícia: você é um candidato perfeito ao nomadismo digital. Isso porque os nômades digitais, nada mais são, do que pessoas que vivem viajando enquanto utilizam a tecnologia para realizar tarefas profissionais, não dependendo de uma base fixa para trabalhar. 

O termo se popularizou nos últimos anos e ganhou forças extras com a chegada da pandemia, que transformou as relações de trabalho mundo afora e escancarou novas possibilidades para o trabalho remoto. Entretanto, apesar da recente popularização e do aumento crescente no número de nômades digitais, o nomadismo digital não é novidade. Em 1997 – quando a finada internet discada ainda dominava os lares – os autores Tsugio Makimoto e David Manners já discutiam a tendência no livro Digital Nomad. Curioso, não é mesmo?

Se você quer saber mais sobre esse estilo de vida, não perca tempo! Continue rolando a página e fique por dentro da tendência que promete ganhar ainda mais adeptos nos próximos anos.

Afinal, o que é nomadismo digital?

Imagine um mundo onde é possível viver viajando e conhecendo novos lugares, sem se preocupar em fazer as viagens caberem somente nos dias de férias. Basicamente, isso é o que propõe o nomadismo digital: a flexibilidade de viver viajando ao invés de viver apenas sonhando com viagens. 

Entretanto, é importante esclarecer que o nomadismo digital não é uma profissão, e sim uma condição de trabalho. Ou seja, é a oportunidade de viver viajando – como um nômade, sem casa fixa – enquanto realiza o seu trabalho de qualquer lugar do mundo, de forma online. 

Nomadismo digital
Créditos: Foto de Jefferson Santos – Unsplash

Qualquer pessoa pode viver como um nômade digital?

Não há outra resposta além de: depende. Se é possível realizar o seu trabalho de forma remota e online – seja de maneira tradicional ou de uma forma criada por você – sim! Contudo, nem todas as profissões oferecem tamanha flexibilidade. Vale a pena avaliar o que é possível fazer dentro da sua profissão! 

É preciso ganhar muito para viver como um nômade digital?

Novamente a resposta é: depende. Você pode viver como um nômade digital gastando muito ou pouco dinheiro. Depende de como você escolhe viver nos locais em que vai visitar. Mas é importante lembrar sempre que a vida do nômade digital não são férias eternas! Por isso, ao planejar as viagens, é preciso considerar que você também estará trabalhando. Dessa forma, precisará de uma boa internet e infraestrutura de qualidade para poder entregar os seus projetos.

Você também não precisa começar a sua vida como nômade digital viajando para o outro lado do mundo. Viajar pelo Brasil pode ser uma ótima forma de se sentir seguro com relação ao novo estilo de vida – e de quebra conhecer mais do nosso país!

Ao falarmos em dinheiro, é difícil quantificar um valor ideal para viver como nômade digital. Mas é claro que, para embarcar nessa jornada, o ideal é ter um planejamento financeiro e uma reserva para possíveis emergências. Assim, você conseguirá se sentir mais seguro para dar esse passo.

Nomadismo digital
Créditos: Foto de Alizée Baudez – Unsplash

Viver viajando é muito mais caro do que viver no Brasil?

Ainda falando em finanças, uma dúvida recorrente de pessoas que pensam em aderir ao nomadismo digital é com relação à comparação entre o custo de viver viajando e viver no Brasil. Afinal, é realmente muito mais caro viver viajando? 

Não! O que pode ser um problema é a conversão das moedas, a depender do país que você escolher visitar. Isso porque o real está em um momento de forte desvalorização, o que dificulta o poder aquisitivo de quem ganha na nossa moeda. Entretanto, uma boa forma de driblar essa questão é escolher visitar países com câmbio vantajoso e menor custo de vida, como a Tailândia, Egito, África do Sul ou México, por exemplo. 

É realmente possível conciliar trabalho e diversão?

Com certeza! Com uma boa organização, é possível trabalhar e aproveitar o tempo livre para conhecer tudo sobre o lugar em que você está. A maior vantagem do nomadismo digital é que, como não há data fixa para ir embora de cada local, você pode ficar quanto tempo quiser e, assim, conhecer cada cantinho no seu próprio ritmo. 

 

Ficou com alguma dúvida sobre nomadismo digital? Comente o que você achou! Quem sabe não trazemos uma parte 2 dessa matéria! 

Ad
Redação UBE
Redação UBEhttps://umaboaexperiencia.com
Somos uma equipe apaixonada por boas experiências ao redor do mundo. Acreditamos que uma boa experiência não se define por preço ou exclusividade, mas sim como você se sente vivendo esse momento.

ARTIGOS RELACIONADOS

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, introduza o seu comentário!
Por favor introduza aqui o seu nome

Ad

Últimos posts

Ad
Ad
Ad