fbpx
19.8 C
São Paulo
terça-feira, junho 25, 2024
InícioMundoOs passaportes mais poderosos do mundo: é possível obtê-los por tempo de...

Os passaportes mais poderosos do mundo: é possível obtê-los por tempo de residência?

Siga-nos no Google Notícias

Ser titular de um dos passaportes mais poderosos do mundo é sinônimo de liberdade para viajar para inúmeros destinos sem a necessidade de vistos, o que facilita e expande as possibilidades de novas experiências. 

Há muitas variáveis geopolíticas que influenciam no poder do passaporte de um país, mas não estamos aqui para entrar nestes detalhes hoje. Vamos focar no ranking mais atualizado dos países com os passaportes mais poderosos do mundo e verificar se é possível obter algum deles por tempo de residência, mesmo não sendo nativo do país.

1. Singapura

Com acesso a nada menos que 192 destinos sem a menor necessidade de visto prévio, o passaporte de Singapura é o líder de nosso ranking. Para obter a cidadania de Singapura, é necessário residir no país por um período mínimo de dois anos.

2. Alemanha, Itália, e Espanha

Estes três passaportes europeus permitem a entrada sem visto em impressionantes 190 destinos. Mas obter um passaporte desses não é tão simples. A Alemanha requer oito anos de residência para a obtenção da cidadania e um longo curso de adaptação ao país e a cultura; a Itália e a Espanha solicitam dez anos, mas esta última pode diminuir o período em casos específicos.

3. Luxemburgo, Japão, Áustria, Finlândia, França, Coreia do Sul e Suécia


Este é o que podemos chamar de um grupo de peso. Os passaportes desses sete países abrem as portas de 189 destinos sem a necessidade de visto. Luxemburgo chama a atenção por estar no topo do ranking dos países com os salários mais altos do mundo. No Japão, Suécia e Finlândia, cinco anos de residência são necessários para pedir a cidadania. Na França, a regra geral também é de cinco anos, mas o período pode ser reduzido para dois anos em circunstâncias especiais.

4. Irlanda, Holanda, Dinamarca e Reino Unido

Com o passaporte desses países, é possível entrar em incríveis 188 destinos sem solicitar visto primeiro. No Reino Unido e na Dinamarca, o tempo de residência requerido é de cinco anos, enquanto na Irlanda, um dos países que mais contratam brasileiros, é necessário viver nove anos.

5. Portugal, Bélgica, República Tcheca, Malta, Nova Zelândia, Noruega e Suíça

Estes sete países oferecem o direito de entrada sem visto em 187 destinos. Mas não podemos negar o destaque que Portugal tem com os imigrantes brasileiros, afinal, o idioma, a grande população brasileira vivendo lá, e os acordos bilaterais entre Portugal e Brasil incentivam muitos brasileiros a imigrarem. Mas não só de imigrantes brasileiros vive em Portugal, o baixo custo de vida e o clima ameno atrai imigrantes de outros países para viver no país lusitano, principalmente para aposentadoria. Neste país, por exemplo, é necessário residir por 5 anos legalmente para obter a cidadania portuguesa e poder solicitar visto português.

6. Austrália, Hungria, e Polônia

Os portadores de passaportes destes países podem visitar 186 destinos sem a necessidade de visto. A Austrália, que é um dos destinos de imigração mais procurados no mundo, e um dos melhores países para fazer intercâmbio, exige o prazo de residência de quatro anos para fornecer a cidadania ao solicitante.

7. Canadá e Grécia


Canadá, um dos maiores queridinhos no quesito imigração, e a Grécia, que não é tão valorizada assim, possuem acesso a 185 destinos. O Canadá requer três anos de residência, enquanto a Grécia pede sete anos.

8. Estados Unidos e Lituânia

O que pode surpreender a muitos é o fato de que os Estados Unidos, um dos melhores países para trabalhar e ter maior poder de compra, não estão no topo dessa lista, se igualando até mesmo a Lituânia, país pouco conhecido e visitado. Ambos têm acesso a 184 países sem a necessidade de visto prévio. Nos Estados Unidos, após cinco anos de residência permanente, você pode solicitar a cidadania. Na Lituânia, o processo é um pouco mais complexo, levando em conta fatores como sua origem étnica e o tempo vivido no país, mas em geral pede-se cinco anos de residência.

9. Letônia, Eslováquia e Eslovênia

Esse trio subestimado tem acesso a 183 destinos sem visto. Entretanto a Letônia, Eslováquia e Eslovênia pedem tempos diferentes de residência para obtenção do seu passaporte. Na Letônia e Eslovênia, você precisará residir por pelo menos cinco anos para solicitar a cidadania. Já a Eslováquia exige oito anos de residência antes de poder fazer o pedido.

10. Estônia e Islândia

Fechando nossa lista, Estônia e Islândia oferecem acesso a 182 destinos sem a necessidade de visto. Ambas são muito procuradas por imigrantes. A Estônia por ser um dos países menos burocráticos do mundo e com muita facilidade para abertura de empresas vem sendo muito almejado pelos nômades digitais. Já a Islândia, um pouco mais isolada do mundo não fica para trás, sendo o país com maior igualdade de gênero no mundo e também o país mais seguro do mundo em 2023. Na Islândia, os requisitos de residência para a cidadania são de sete anos. Enquanto na Estônia, o tempo exigido é de cinco anos de residência permanente.

Lembramos que as regras para obtenção de cidadania por residência podem variar de acordo com várias circunstâncias, como casamento, descendência, refúgio entre outros. Por isso, é sempre importante consultar as autoridades locais ou especialistas em imigração para esclarecer todas as dúvidas.

Obter um passaporte poderoso pode ser um processo de longo prazo, mas a liberdade de viajar para diversos destinos é uma recompensa inestimável. Veja também: as cidades mais visitadas do mundo.

Ad
Redação UBE
Redação UBEhttps://umaboaexperiencia.com
Somos uma equipe apaixonada por boas experiências ao redor do mundo. Acreditamos que uma boa experiência não se define por preço ou exclusividade, mas sim como você se sente vivendo esse momento.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, introduza o seu comentário!
Por favor introduza aqui o seu nome

Ad

Últimos posts

Ad
Ad
Ad